carregando...


Taboão da Serra, 07 de Dezembro de 2018 - 17° C

Cultura promoveu palestra sobre direito e liberdade na faculdade FECAF

palestraFECAFdireitoliberdaderacismo

Atualizado em: 23/11/2018 11:11

A Prefeitura de Taboão da Serra, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, promoveu na última segunda-feira, 19 de novembro, uma mesa redonda ministrada pela advogada e militante carioca, Dra. Valéria Lúcia dos Santos com o tema “Direito e Liberdade”. O encontro ocorreu na faculdade FECAF.

O evento faz parte da programação da semana da Consciência Negra e teve o intuito de discutir questões sobre a história e violência urbana sofrida pela população negra, além de falar sobre politicas públicas e o enfrentamento do racismo. 

Segundo o secretário de Cultura e Turismo, Wanderley Bressan, a palestra tem o objetivo de combater o racismo. “Foi uma honra receber a advogada carioca e militante, Dra. Valéria Lúcia dos Santos, e nossa cidade acolhe sua luta. Continuamos firmes e fortes na luta contra o racismo e todas as formas de discriminação”, disse.  

A publicitária Daniela Fernandes de Moraes acompanhou a mesa redonda e ressaltou o posicionamento da mediadora de tirar dúvidas e esclarecer alguns questionamentos do público. “A Dra. Valéria Lúcia dos Santos mostrou na palestra que a partir do momento que sabemos dos nossos direitos e deveres podemos reivindicar e lutar por justiça, por aquilo que nos pertence e que devemos ser resistentes mediante situações que consideramos corretas”, falou.

A advogada Valéria Santos protagonizou uma das notícias mais tristes e repercutidas deste ano ao ser detida, algema e arrastada em pleno exercício da profissão, durante uma audiência em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, depois de questionar a decisão da juíza Dra. Ethel Tavares de Vasconcelos. 

 

A Dra. Valéria Lúcia dos Santos, ao centro, conduziu mesa redonda sobre Direito e Liberdade na FECAF.

 

Vídeos circularam na internet e a prisão da jovem advogada, mulher e negra desencadeou o apoio de defensores das causas raciais e dos direitos das mulheres ganhando destaque nos principais veículos de comunicação do país.  

No auditório da faculdade, a palestrante discorreu sobre os problemas e dilemas enfrentados no início de carreira e uma reflexão sobre o lamentável acontecimento foram alguns dos tópicos em pauta. A apresentação teve como finalidade demonstrar a necessidade da união da classe na defesa de suas causas e no trabalho. 

Participaram da palestra, o secretário adjunto de Cultura e Turismo, André Ribas, o coordenador da Coordenadoria Especial de Promoção da Igualdade Racial (CEPIR), Antônio Carlos Sousa Santos, o secretário de Planejamento Dr. Robson Neves e a coordenadora dos Direitos da Mulher Dra. Sueli Amoedo. 
 

Daniela Morais (direita) e a irmã Nailah (esquerda) com a advogada Dra. Valéria Lúcia dos Santos.