carregando...


Taboão da Serra, 04 de Julho de 2020

Estrada Kizaemon Takeuti conta com faixa de retenção para motociclistas

Secretaria de Transportes e Mobilidade Urbanafaixa de retenção para motocicletasmotosprefeituraTransportes e Mobilidade Urbana

Atualizado em: 13/06/2019 16:06

Motocicletas são os veículos que mais matam no trânsito do país. Em 2018, na cidade de Taboão da Serra, 60% dos casos registrados foram por este tipo de modal, com 26,6% das mortes nas vias municipais. A criação de faixas exclusivas para motociclistas nas vias locais deve contribuir para a mudança desses números.


De acordo com a Secretaria de Transportes e Mobilidade Urbana a iniciativa consiste na criação de faixas exclusivas para a permanência dos motociclistas, à frente dos carros, antes da faixa de pedestres.


A Estrada Kizaemon Takeuti, no Jardim Pirajuçara, recebeu a intervenção. “Cobrimos toda a extensão da Kizaemon com 18 faixas de retenção para os condutores que trafegam por ali”, comenta o secretário de Transportes, Dr Gerson Brito. “Na prática, os motociclistas sairão à frente dos carros, na abertura do sinal, já que estarão entre 2,5 m a 3 m de distância dos veículos”, explica.

 

 

Toda extensão da Avenida Kizaemon Takeuti já conta com faixas de retenção para motociclistas

 

A sinalização está presente nos dois sentidos da via, desde a divisa com Embu das Artes à de São Paulo. A Rua Luiz Carlos Ventura e em frente ao Poupatempo foram algumas que receberam a intervenção. O entroncamento da Estrada Benedito Cesário de Oliveira e outros 14 pontos também foram beneficiados.  

 

Experiência de sucesso

A faixa de retenção implantada em Taboão da Serra foi idealizada na Espanha, em 2008, nas cidades de Madri e Barcelona, onde as motos são 29% da frota de veículos. Estudos avaliam que a área de espera exclusiva para motos em Barcelona diminuiu em 90% o risco de acidentes com motos nos cruzamentos da metrópole.