carregando...


Taboão da Serra, 17 de Dezembro de 2017 - 24° C

Prefeitura promoveu 1ª Conferência de Igualdade Racial na Câmara

Igualdade RacialConferênciaCultura e Turismo

Atualizado em: 06/10/2017 11:10

A Prefeitura de Taboão da Serra, através da Coordenadoria Especial de Promoção da Igualdade Racial (CEPIR), promoveu na manhã da última sexta-feira, 29, a 1ª Conferência de Promoção da Igualdade Racial, na Câmara Municipal, com o intuito de discutir política pública, ouvir sugestões e críticas, para a população negra.


O tema abordado no evento foi “O Brasil na Década dos Afrodescendentes: reconhecimento, justiça e desenvolvimento”. A reunião foi uma etapa preparatória obrigatória para a 4ª Conferência Nacional da Promoção da Igualdade Racial (Conapir), que será realizado entre os dias 27 e 30 de maio de 2018, em Brasília.


Na abertura do evento, o Coral da Melhor Idade do Maria Rosa, da secretaria de Assistência Social e Cidadania, fez duas apresentações com os temas “Abolição” e “Nossa Realidade”, comandados pelo professor de música, Deberson de Souza, falando sobre a diversidade, desigualdade e racismo racial, sofrido pela população negra.


De acordo com o coordenador da Igualdade Racial, Antônio Carlos Sousa Santos, o evento atingiu o seu objetivo. “Nós avaliamos e reformulamos o que já havia de propostas, além de trazer coisas novas. Sabemos que precisamos de condições para realizar um bom trabalho. Vamos trabalhar para a implantação de políticas públicas com entidades legalizadas em Taboão da Serra”, comentou.


As propostas apresentadas foram discutidas entre profissionais das seguintes secretarias: educação, saúde, cultura e pela Escola do Legislativo da Câmara Municipal. Além disso, foram escolhidos cinco representantes de Taboão da Serra, sendo dois do poder público e três da sociedade civil, para participarem da Conferência Regional e posteriormente da Estadual, e apresentarem as sugestões aprovadas durante a reunião.


Os representantes do poder público são o coordenador da Igualdade Racial, Antônio Carlos Sousa e a enfermeira Janete Alves Gomes. Já os representantes da sociedade civil são o jornalista do Folha Pirajuçara professor Mario Aparecido, o Babalorixá Joel Xangô e o professor e escritor Valter Estevam.