carregando...


Taboão da Serra, 29 de Maio de 2020

Serviço de Pré-Consulta Virtual já orientou mais de mil moradores

pré-consulta virtualcoronavíruscovid-19atendimentotelefone

Atualizado em: 27/03/2020 11:03

Atualizada em 06/04/2020, às 19h30

Na quinta-feira, 19 de março, a Prefeitura de Taboão da Serra lançou o Serviço de Pré-Consulta Virtual, que tem como objetivo atender pelo telefone 0800-775-8500 os moradores com ou sem sintomas de coronavírus (COVID-19). Nos cinco primeiros dias de funcionamento, 1025 pessoas receberam orientações de como agir ou tiraram dúvidas sobre a doença.  O serviço funciona todos os dias, de domingo a domingo, das 7h às 19h.


De acordo com a Secretaria de Saúde, os serviço está sendo muito eficiente e elucidativo. O atendimento telefônico evita que os moradores saiam de suas casas e busquem uma unidade de saúde sem necessidade.


O serviço conta com uma equipe capacitada que orienta como melhor agir. Pelo telefone,  a equipe orienta os moradores a resolver os problemas. Porém, se for preciso o atendimento presencial, a pessoa é encaminhada, seja para a Unidade Básica de Saúde (UBS) ou para um dos nossos Prontos Socorros.


Caso o paciente seja orientado para ir a uma UBS, ele passa por triagem na porta da unidade. Se o caso é leve, recebe as devidas orientações e volta para casa. Caso seja um paciente com suspeita de coronavírus, o atendimento é feito em local separado na unidade e lá é decidida qual a melhor conduta. A decisão é tomada com base na avaliação dos sintomas apresentados e dos riscos que o paciente possa ter.


Vale ressaltar que pacientes com febre, tosse e dificuldade para respirar devem procurar um dos prontos socorros, seja a Unidade de Pronto Atendimento Dr. Akira Tada ou o Pronto Socorro Municipal (Antena).


Casos Leves
Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) 80% das pessoas que contraem o coronavírus serão casos considerados leves. Isto é, pessoas que podem ser acompanhadas e tratadas em casa.


Para situações como esta Taboão da Serra criou um grupo de monitoramento que acompanha os casos suspeitos. “Todos os dias ligamos para estes pacientes suspeitos para saber como estão e damos as novas orientações de acordo com o que eles relatam que estão sentindo”, explica a secretária de Saúde, Dra. Raquel Zaicaner. “A equipe liga para todos os pacientes e acompanham cada caso até o fim de seus sintomas ou elucidação da situação”, completa.


Prevenção
Embora boa parte dos casos sejam considerados leves, a prevenção ainda é a melhor arma contra a doença. 

  • Lave as mãos com frequência usando água e sabão. Enxugue com papel toalha e jogue no lixo. Se não for possível lavar, higienize as mãos com álcool em gel. 
  • Ao tossir ou espirrar, cubra nariz e boca com um lenço descartável ou com o braço. Nunca utilize as mãos.
  • Evite tocar olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas. Ao tocar, lave sempre as mãos com água e sabão. 
  • Se estiver doente, evite contato físico com outras pessoas e fique em casa até melhorar.
  • Não compartilhe objetos de uso pessoal como toalhas, talheres, pratos e copos.
  • Fique em casa. Só saia em casos de extrema necessidade. 

Serviço:
Pré-Consulta Virtual - Coronavírus (COVID-19)
Telefone: 0800-775-8500
Atendimento: De segunda a domingo, das 7h às 19h.