carregando...


Taboão da Serra, 23 de Outubro de 2019

Taboão apresenta diagnostico sobre Mobilidade Urbana em 2ª Audiência Pública

TransporteMobilidade UrbanaTransitoaudiência públicaPlano Municipal

Atualizado em: 14/06/2017 16:06

A Prefeitura de Taboão da Serra, através da Secretaria de Transportes, promoveu na quinta-feira, 8 de junho, a 2ª Audiência Pública de Mobilidade Urbana. O encontro contou com a participação de moradores, servidores públicos e interessados no assunto, além de vereadores e secretários municipais.


À ocasião, Frederico Rodrigues e Gustavo Balieiro, representantes da empresa especializada em planejamento e consultoria urbana Planum, apresentaram um diagnóstico técnico completo sobre trânsito, transporte e mobilidade em Taboão da Serra. Ambos mostraram dados sobre como as pessoas se locomovem dentro do município, além de problemas encontrados com relação à acessibilidade, segurança viária, dentre outros assuntos.


O diagnóstico apresentado, associado às sugestões dos moradores, será utilizado para elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana. “Em 2015, Taboão da Serra teve em média 55 km de vias congestionadas em horários de pico. Fazendo uma projeção para daqui 20 anos, a estimativa é que este número chegue a 182 km, ou seja, um aumento de 166%. Pensar num Plano de Mobilidade Urbana é pensar em medidas para o futuro”, explicou Frederico Rodrigues.


Durante a Audiência Pública o secretário de Transportes Dr. Gerson Pereira Brito apresentou a proposta do plano de municipalização da Rodovia Régis Bittencourt (BR-116) no trecho que corta o município. A áreahoje pertencente à União e está sob o regime de concessão à empresa Arteris. “O projeto está aprovado pela ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres). Estão previstos oito pontos de obras que incluem, dentre outras coisas, a drenagem de vários trechos para evitar alagamentos e criação de diversas galerias”, comentou Dr. Gerson Pereira Brito.


O secretário destacou ainda algumas das medidas que já estão sendo feitas pela Prefeitura para melhorias na área de transporte e mobilidade urbana, taiscomo a vistoriade 444 itens feitas nos ônibus da frota municipal, ainstalação de grades de proteçãopara impedir atravessia de pedestres em locais de risco, arevitalização da sinalização viáriaexistentee a compra de 19 novos pontos de ônibus.


Plano Municipal
A criação de Planos Municipais de Mobilidade Urbana é regulamentada pela Lei Federal 12.587/2012 e é feita em quatro etapas, que vão desde a preparação do Núcleo Gestor que acompanha a elaboração do Plano Participativo de Mobilidade Urbana, até a sanção da Lei. Taboão avança para a terceira etapa que consiste em utilizar os dados coletados e elaborar propostas de melhorias para a cidade. A próxima Audiência Pública está prevista para primeira quinzena de setembro, já a minuta do projeto de Lei deve ficar pronta em novembro deste ano.